O site americano DuJour esteve no set de ‘Unfriended‘ em Santa Clarita na California essa semana e conversou com Shelley Hennig sobre o novo e fenomenal filme de terror.

Inicio > Photoshoots > 2015 > DuJour Magazine/News


“O processo de audição fez parte para eu entender o quão único esse projeto seria.” disse a estrela do filme e ex-Miss Teen USA, Shelley Hennig. “Você no escritório do elenco e eu entrei no Skype com outro ator num quarto do escritório do elenco, enquanto o diretor de elenco, escritor e o diretor assistiam em um terceiro computador. A partir dali eu percebi que seria diferente e eu apenas queria fazer parte daquilo.”

Hennig conseguiu o que queria e as coisas não ficaram nada tradicionais, a atriz e seus colegas gravaram o filme sobre um grupo de amigos sendo aterrorizados pela internet pelo que parecia ser uma amiga falecida. Usando uma única câmera laptop e um set pequeno, mas numa casa em Los Angeles, no subúrbio de Santa Clarita.

“Cada ator teve seu próprio quarto para seu personagem,” Hennig explicou sobre o processo. “E cada um de nós tinha um notebook e uma GoPro que era estrategicamente colocada no topo do notebook e móvel para que fossemos capazes de nos mexer pelo quarto. Tinha milhões de fios saindo notebooks, mas esse sistema permitia que qualquer ator filmasse em tempo real enquanto conversava com o outro.”

O sistema parece ter funcionado. Hennig se lembra de ter filmado alguns pedaços o filme—parte dos 80 minutos seguidos— em únicos e disse que enquanto o elenco se desconectava para almoçar junto, eles terminavam fazendo alguma coisa para melhorar seu trabalho encarando seus notebooks.

E enquanto Hennig pensou ter acabado de interpretar uma mulher cujo o computador estava sendo usado para aterroriza-la, a atriz disse que ela não se protegeu contra a tecnologia.

“A maioria das pessoas não vai querer usar o Skype por um tempo depois de assistir ao filme, eles não vão querer brincar com seus computadores.” disse Hennig. “Mas eu aprendi muito mais sobre computadores e como usá-los apropriadamente. Eu fiquei mais por dentro da tecnologia depois de gravar o filme.”

 

Tradução e adaptação: Equipe Shelley Hennig Brasil

Fonte: DuJour

SHELLEY HENNIG Brasil • Hospedado por Flaunt • Layout por Lannie D